Super Mãe Ativar - Jornalismo e Entretenimento para a Maternidade -

Encontro: Maternidade sem mi mi mi

Por Juliana Fonseca Em 26.10.2015 Categoria: Carreira e Maternidade, Saúde e bem estar

 

Encontromaternidade01

Cerca de 60 mães se encontraram na manhã do último domingo (25), em São Paulo, para ouvir e debater temas ligados à maternidade. O encontro, realizado no Buddha Spa Ibirapuera, foi promovido pela loja MegaBabies, em parceria com a DreamsKids Decor, e contou com a presença das mom bloggers Paula Miranda (@planetapaulaa), Elaine Violini (@boasmães) e Angi Simon (@blogmaedeguri).

Encontromaternidade02Educadora física e mãe de dois meninos, Angi Simon veio de Canoas (RS) e abriu as palestras falando sobre planejamento familiar, gestação a dois e parceria no casamento. Filha adotiva, ela se emocionou ao falar sobre o nascimento dos filhos: “Eu não entendia como alguém pode abrir mão de vivenciar aquilo ali”, desabafou referindo-se à sua mãe biológica.

A psicopedagoga Elaine Violini, grávida de 8 meses do segundo filho e mãe de Valentina, abordou assuntos como birra e educação dos pequenos, focando mais na idade a partir dos 18 meses: “Cada família tem as suas regras. O que não pode é haver diferença na comunicação. Todos que cuidam devem seguir as mesmas diretrizes para não confundir a criança”, diz Elaine. Como conselho às mães de pequenos nessa fase, ela completou: “Firmeza, consistência e não voltar atrás na hora do ‘não’. O comando deve ser curto e firme.” Questionada sobre o cantinho do castigo, ou do pensamento, ela respondeu que concorda e aplica em casa, mas sem banalizar: “A família deve decidir em conjunto quais as atitudes que levam ao cantinho, não pode colocar lá por qualquer coisa”, completou.

Encontromaternidade05

A minha Luiza ficou encantada com a história da blogger Paula Miranda

Paula Miranda, blogger e mãe da Nina e do Igor, veio do Rio de Janeiro para falar sobre autoestima após a maternidade. Ela contou que há pouco mais de dois anos decidiu mudar totalmente seu estilo de vida: “Chamei meu marido e disse que precisava da ajuda dele para voltar a ser quem eu era. Perguntei qual hora do dia ele podia ficar com a nossa filha, que ainda não ia à escola, para que eu pudesse frequentar uma academia e ele topou. Ali começou minha transformação”, conta Paula. Com uma história de vida forte e cheia de provações (entre elas, a perda de um filho de apenas quatro anos de idade), Paula se emocionou e fez chorar a maioria das mães presentes ao encontro: “Equilíbrio sempre. O fato de ter perdido um filho me fez ser uma mãe melhor para a Nina. O medo trava nossas vidas. E eu escolhi não ter medo”. Animada e ‘elétrica’, ela completou: “Não tem como amar mais a pessoa que está ao seu lado se você não se ama. Isso não é egoísmo, é amor próprio”.

A instamom Mila Miranda com as palestrantes

A instamom Mila Miranda com as palestrantes

Para a advogada e instamom Mila Miranda (@mundodamae), de Cuiabá, o encontro superou todas as expectativas: “Estava de passagem por São Paulo quando fiquei sabendo do evento e tratei rapidinho de fazer a minha inscrição. As palestras foram sensacionais. A energia de todas que ali estavam e se propuseram a se unir para oferecer uma manhã agradável e de muito aprendizado (social e emocional) para nós mamães foi impressionante. A sala irradiava luz e energia positiva. A vontade era de não ir embora. É maravilhoso saber que não estamos sozinhas nesse pequeno grande mundo de mãe que vivemos. Ouvir a história de cada uma faz muita diferença em nossa maneira de maternar, pois vimos que todas passam pelos medos, frustrações e desafios que a maternidade nos impõe. O encontro foi maravilhoso e é claro que deixou um super gosto de quero mais”, diz Mila.

Gabriella Oliveira, proprietária da loja MegaBabies, conta como surgiu o evento: “A ideia era compartilhar, dividir sentimentos e emoções. Num grupo de mães conhecidas, percebi que todas viviam as mesmas coisas na maternidade, mas não se comunicavam. Queríamos falar sobre o tema de forma descontraída, como numa roda de amigas. Convidamos blogueiras que eu gosto muito, sei que são sérias e confio no trabalho delas”. Gabriella disse ainda que já pensa em futuras edições do encontro: “Queremos manter esse formato de roda de conversa, nada muito grande, com muita gente. Prefiro fazer vários eventos com menos pessoas do que perder essa proximidade, esse contato na hora da foto, do abraço”, completa.

Minha opinião

Encontromaternidade04Esse foi meu segundo encontro de mães aqui em Sampa e o primeiro em que levei as meninas. Achei o formato super agradável e os temas bem escolhidos. Participar de eventos assim é uma excelente forma de conhecer outras pessoas e compartilhar essa, nem sempre deliciosa, fase de mãe.

 Enquanto Lara se divertia no jardim japonês que tinha ao lado da sala das palestras e comia todas as guloseimas disponíveis, Luiza não saiu do meu lado e ouviu atentamente tudo o que as mamães falaram. Ao final, ela fez questão de tirar uma foto ao lado da Paula e ainda saiu com uma declaração ao pé do ouvido: “eu não te conhecia, mas já te amo”. Pode, gente? Sensibilidade, a gente vê por aqui!

O ingresso para o evento custou R$ 60,00 para adulto e R$ 30,00 para criança maior de sete anos, com direito a café da manhã.

Poderá também gostar de:

  1. Gabriella Oliveira disse: em 26.10.2015

    Ju, adoramos a sua reportagem. Seu olhar para cada detalhe do nosso evento, só nos engrandeceu. Desejo que o seu blog cresça muito e você seja muito feliz , sempre!
    Enorme Beijo, Gabi.

    • Juliana Fonseca disse: em 27.10.2015

      Gabi, fico muito feliz pela sua visita e comentário aqui no blog. O evento foi lindo, cheio de energia boa. Que venham os próximos! Estarei lá! Beijo bem grande. Ju

  2. Vanice Carvalho Panica disse: em 27.10.2015

    Adorei a matéria e teu blog! Só queria fazer uma observação, Paula sempre diz que tem dois filhos Igor e Nina e na matéria vc disse que ela é mãe da Nina.

    • Juliana Fonseca disse: em 27.10.2015

      Oi, Vanice!! Fico feliz que tenha gostado! Você tem toda razão! Já corrigi no texto, viu? Beijos e super obrigada!

Deixe um comentário