Super Mãe Ativar - Jornalismo e Entretenimento para a Maternidade -

Ginástica Artística encanta crianças

Por Juliana Fonseca Em 11.11.2015 Categoria: Saúde e bem estar

BelloSalto07Saltar inúmeras vezes num pula­-pula, andar se equilibrando em cima do muro, fazer diversas piruetas e cair num chão fofinho. Para muitas crianças, é assim que se parece um dos esportes mais antigos do mundo, a ginástica artística. Com movimentos sistematizados, a modalidade é realizada no solo (no caso, o chão fofinho) ou com a ajuda de aparelhos (o pula-pula é o trampolim e o muro na verdade se chama trave) e vem conquistando cada vez mais aprendizes mirins.

BelloSalto03

Equipe Bello Salto em campeonato

Para a professora Clarissa Bello Costa, a ginástica atrai os pequenos pela forma lúdica e encantadora dos exercícios: “Tudo parece uma grande brincadeira”, diz Clarissa. Ela e a irmã, Vanessa, são responsáveis pela escolinha Bello Salto, que funciona dentro do Clube Alemão, na zona norte do Recife. No início, eram apenas 25 alunas e muita vontade de fazer dar certo. Hoje, com apenas três anos de trabalho (oficialmente, a escolhinha começou em março de 2012), são 115 aprendizes e uma fila de espera que pode demorar meses.

BelloSalto04Entre os muitos benefícios que a ginástica traz para as crianças, Clarissa destaca flexiblidade, equilíbrio, concentração, força e coordenação motora: “É um esporte extremamente complexo e trabalha o corpo inteiro ao mesmo tempo. A criança precisa desenvolver a coordenação para executar os movimentos”. No campo emocional, os ganhos também são imensos: “Recentemente, a mãe de uma aluna veio me contar que depois da terceira aula conosco a filha dela teve coragem de andar na bicicleta sem rodinhas. Coisa que ela estava tentando há um tempão”, comemora Clarissa. “Por ser um esporte individual e desafiador, em que o atleta precisa acreditar em si mesmo, a autoconfiança é desenvolvida naturalmente. ´Não vou conseguir´ é uma frase não permitida por aqui”, completa.

Uma dúvida natural de muitas famílias que procuram a ginástica artística como esporte para as crianças é se realmente a modalidade provoca baixa estatura nas meninas: “Isso não passa de um mito. O que acontece é que geralmente as melhores ginastas, as que mais se destacam, são as menores. A estatura pequena facilita na hora de executar as posições e saltos por conta do centro de gravidade da atleta”, explica Clarissa. Vamos abrir aqui um parênteses. O ideal é sempre consultar o pediatra que acompanha sua filha, tá?

BelloSalto06

A fila de espera para a escolhinha pode levar meses

E porque até agora só falamos de meninAs? Porque quase cem por cento dos matriculados na Bello Salto são do sexo feminino. “Temos apenas 01 aluno menino. Aqui no Nordeste, existe um preconceito enorme em relação a isso. A ginástica é para todos. Infelizmente, já tive alunos que desistiram porque os amigos ficavam zoando, dizendo que era coisa de menina”, lamenta a professora.

BelloSalto01

As irmãs Vanessa (esquerda) e Clarissa (direita) com as meninas que integram a equipe

Uma curiosidade sobre a escolinha, única na zona norte não vinculada a grandes colégios, é que tudo começou com um sonho materno: Dona Suzana Bello, mãe das professoras Clarissa e Vanessa, se encantou quando assistiu a ginasta Nadia Comaneci conquistar a primeira pontuação 10 do esporte em uma olimpíada (Montreal, Canadá, 1976). Na época, ela não conseguiu praticar ginástica, mas garantiu que se tivesse uma filha menina ela seguiria na modalidade. E foram duas!

Clarissa começou a treinar aos seis anos de idade e a irmã Vanessa, aos quatro. Hoje, formadas em Educação Física, elas inspiram e incentivam muitas meninas no esporte. E dona Suzana? “Ah, ela é nossa fã número 1 e participa ativamente de nossa história aqui na escolinha”, diz Clarissa.

MINHA EXPERIÊNCIA

IMG_2883

Minha Luiza como ginasta

Em 2014, a minha filha Luiza, então com oito anos, participou da Bello Salto e praticou ginástica artística por quase um ano. Foi o primeiro contato com um esporte diferente. Até então ela só tinha feito balé, natação e aulas de educação física na escola. Percebemos juntas a necessidade de um esporte quando ela verbalizou que alguns ‘dobrinhas’ na barriga estavam lhe incomodando. Foi quando o papai sugeriu a prática de artes marciais e a levou ao Clube Alemão em busca de alguma modalidade desse tipo para crianças. Não encontraram o jiu jitsu que queriam, mas deram de cara com a ginástica artística.

IMG_2913

Eu e minha filhota em um dos festivais que ela participou com a Bello Salto

O encanto foi imediato e ela começou na semana seguinte (ainda não tinha fila de espera). Logo, logo duas das melhores amigas do colégio também entraram na escolhinha. Durante todo o ano, pude acompanhar de perto a mudança que a ginástica proporcionou à minha filha. Além de emagrecer visivelmente, e ficar feliz da vida com isso, ela ganhou tudo o que a tia Clarissa falou lá em cima na matéria. E só não continuou porque mudou de escola e de turno. Mas pegou gosto pelo esporte e agora está treinando judô (quem sabe, nossa próxima pauta?).

Beijos,

Ju

SERVIÇO:

ESCOLINHA BELLO SALTO DE GINÁSTICA ARTÍSTICA

Local: Clube Alemão do Recife (Estrada do Encanamento, Parnamirim)

Baby Gym: a partir de 3 anos

Escolinha Nível 1, 2 e 3: a partir de 6 anos

Escolinha adulto: sem limite de idade

Equipe: 9 meninas entre 8 e 11 anos (nível avançado, participam de competições e treinam de segunda a sexta, até 4 horas por dia)

Mensalidade: a partir de R$ 120,00 (valores de 2015.2)

Informações: (81) 99162-4039 e 99452-0934 ou contato@bellosalto.com.br

Site: http://bellosalto.com.br/

Fotos da matéria cedidas pela BELLO SALTO

Poderá também gostar de:

Deixe um comentário