Super Mãe Ativar - Jornalismo e Entretenimento para a Maternidade -

Sexo depois dos filhos: você já voltou ao papel de mulher-amante?

Por Juliana Fonseca Em 29.08.2017 Categoria: Saúde e bem estar

Sexo depois dos filhos é tema de encontro com a Dra Flávia Fairbanks 

O assunto não é daqueles que todas as mães gostam de falar. Geralmente, a retomada da vida sexual do casal após os filhos é pauta de conversa apenas com a melhor amiga. E olhe lá…

Mas, para quebrar tabus e incentivar as mulheres a falar mais sobre o assunto, a ginecologista e obstetra Flávia Fairbanks promoveu uma tarde de conversa em sua clínica, a FemCare, em São Paulo, com várias mamães influencers.

Dra Flávia, que também é sexóloga, abriu o diálogo explicando que a sexualidade feminina começou a ser estudada cientificamente por Freud, há cerca de um século, mas que muitos aspectos ainda permanecem desconhecidos (#somoscomplicadas??).

A maternidade é uma das mudanças mais profundas da vida da mulher-amante

O que nem toda mulher sabe é que a vida sexual feminina pode ser comparada à sua etapa da vida reprodutiva. Como? Simples: a sexualidade acompanha as fases: “Da infância à adolescência, os instintos vão surgindo e amadurecendo. Na vida adulta, a mulher começa a reconhecer seus desejos e preferências e passa a viver mais intensamente na esfera sexual, assumindo a imagem de mulher-amante. Quando ela encontra uma parceria fixa e decide ter um bebê, surge novos papeis e uma das mudanças mais profundas de toda a sua vida: a maternidade”, explica a médica.

“Por mulher-amante entendemos uma figura feminina voltada para si e para o seu parceiro”, continua Dra Flávia. Diante disso, como fica um bebê nessa história??

Cada mulher tem o seu tempo 

Dra Flávia Fairbank em bate papo com mamães

“A chegada de uma criança transforma a mulher na pessoa mais importante e responsável por essa nova vida. A transformação é tão intensa que muitas vezes não nos percebemos no meio da avalanche”, completa.

E é justamente no meio dessa realidade, muitas vezes bem difícil para a maioria, que a mulher sai do período de “quarentena”- 30 a 40 dias após o parto – e “tem” que mostrar ao parceiro que a mulher-amante não morreu!! Mas como???

Para Dra Flávia, cada mulher tem o seu tempo e a prioridade deve ser sempre conversar abertamente com o parceiro: “Já atendi casais que ficaram quase um ano sem sexo após o nascimento dos filhos e estava tudo bem. Outros, não conseguem chegar ao final dos 40 dias pós parto. Tudo deve ser resolvido com diálogo e respeito”, reforça a ginecologista.

Redução da libido 

Outro ponto que deve ser levado em consideração é a redução acentuada da libido na mulher que deu à luz recentemente. “Diversos fatores devem ser avaliados, como por exemplo os hormônios, o cansaço, a privação de sono…”, revela Dra Flávia.

Um das dicas da profissional para a recém mãe é uma conversa franca com o ginecologista que a acompanhou durante toda a gestação e parto: “Nós temos o papel de orientar, ouvir a paciente e até mesmo sugerir mudanças no cotidiano que ajudem essa mulher a se adaptar aos seus novos papeis”, revela.

Para algumas mulheres, essa ficha de “amante”demora a voltar a cair.

Como manter um bom relacionamento? 

Dra Flávia apresentou, ainda, dez dicas para manter um bom relacionamento após a chegada do bebê (fonte: Just RealMoms):

1. Arranje tempo para NAMORAR
2. O filho é dos dois. DIVIDAM as tarefas!
3. Mantenha um tempo INDIVIDUAL para cada um
4. Não cedam às pressões da família
5. Conversem sobre o mundo de CADA um
6. Criem acordos para as horas de sono
7. Você NÃO precisa ser a mulher maravilha
8. Façam programas de CASAL
9. Diálogo e respeito, SEMPRE
10. Os dois tem que QUERER dar certo!

Para conhecer mais sobre a ginecologista: Dra Flávia Fairbanks

Mamães influencers que participaram da tarde com a Dra Flávia, na Clínica FemCare, em São Paulo.

 

Fotos: Agência Baskara

Poderá também gostar de:

Deixe um comentário